Home / Marketing Digital / Por que todo e-commerce precisa de um blog?
blog para loja virtual

Por que todo e-commerce precisa de um blog?

O que não falta por aí são pessoas dispostas a investir no mercado virtual para começar a empreender. Ter uma loja online, nesse sentido, vem bem a calhar: apesar do volume de e-commerces só crescer, também nunca param de aumentar os números de vendas que esses negócios atingem.

Aparentemente, o sucesso dos empreendimentos que têm a web esfera como espaço para atuação é um caminho sem volta e muita gente já embarcou nessa onda e está conquistando o seu lugar ao sol. O problema é que não é fácil se destacar em um ambiente em que existem tantos concorrentes e a maioria deles oferecem produtos iguais, para nichos muito semelhantes e com vantagens muito parecidas.

Nessa hora, não é improvável que um empreendedor novato prefira acreditar que a melhor forma de vender mais é vender já. Esse pensamento de que só a venda direta pode trazer novos clientes é falho e vazio, especialmente quando estamos falando de negócios virtuais. Existem estratégias mais abrangentes e funcionais, que não te limitam ao público que você conquistou e te permitem alcançar outros rapidamente. Uma delas é ter um blog do seu e-commerce.

Blog Ecommerce

É claro que você já ouviu falar sobre a ascensão dos blogs e sobre como vários blogueiros estão ganhando verdadeiros rios de dinheiro com publicidade e propaganda, mas provavelmente você nunca se deu conta de que várias lojas virtuais usam os blogs como uma plataforma para alavancar as suas vendas. Para te explicar por que vale a pena seguir esse exemplo, vamos enumerar a seguir algumas razões que certamente te convencerão:

1. Bloggar vai te deixar melhor ranqueado nos mecanismos de busca

Quando temos um público pequeno a sensação é de que todo esforço é um pouco inútil, já que estamos lidando com tão pouca gente. Quando se trata de blog a coisa é bem semelhante. “Para que vou escrever, se quase ninguém vai me ler?”. Bom, talvez porque insistir em escrever pode fazer com que mais gente acabe te lendo.

Essa possibilidade é real porque, se você cria um conteúdo minimamente relevante, não é difícil que ele seja compartilhado em uma rede social, se transformando em um link que vai levar outros clientes em potencial para o seu blog. Eles conhecerão a sua loja virtual e poderão comprar, ou no mínimo reproduzir os seus links em seus próprios perfis. Forma-se um ciclo positivo!

Outro fator que justifica uma melhor posição nos buscadores é que manter um blog para o seu e-commerce colabora para que o SEO dele melhore. Na prática isso quer dizer que, se você usar as palavras-chaves certas da maneira correta, é bem provável que seu site esteja nas cabeças rapidamente. Além disso, quanto mais você posta, maior a possibilidade dos seus seguidores se sentirem incentivados a fazer perguntas e a interagir com você, o que também te faz subir no ranking!

2. Um blog é o lugar certo para você contar a sua história e a do seu negócio

De modo geral, as redes sociais têm seu valor quando o assunto é angariar público para a loja virtual, mas elas sozinhas não fazem milagres. Embora muita gente ache que ter perfil no Instagram, Pinterest, Facebook e Twitter seja meio caminho andado para o sucesso, a verdade é que esse tipo de plataforma exige que sejamos sucintos, porque ninguém que está logado numa delas deseja ler um texto enorme a respeito de qualquer coisa.

Dentro dessa perspectiva um blog se encaixa perfeitamente, porque ele vai além da publicidade dos produtos, normalmente o recurso ideal a ser explorado pelas redes sociais. Um blog te permite contar a sua história e falar a seu respeito, o que gera uma fidelidade do seu leitor e ativa a segurança dele de que está lidando com alguém de verdade, que tem sonhos, anseios, medos e expectativas como qualquer outra pessoa. Em um e-commerce não podemos olhar nos olhos do vendedor, tocá-lo ou cheirá-lo, então o blog serve também para te dar esses contornos de realidade, tão importantes quando se está no mercado virtual.

3. Bloggar vai te tirar do anonimato

Há uma verdade no mundo online da qual não podemos fugir: quase todo mundo trabalha com o que não conhece e fala sobre o que não sabe. Abra o seu Facebook agora e a sua linha do tempo vai te dar essa exata sensação.

Isso acontece porque as redes sociais não nos pedem grande expertise de nada. De modo geral, se você sabe usar frases de efeito, consegue fazer vídeos engraçados e é divertido, as pessoas te dão valor não importando muito a mensagem que existe por trás do seu conteúdo. A questão é que quando você quer vender isso importa muito, porque ninguém quer gastar dinheiro com alguém que não tem a menor compreensão sobre aquilo que está tentando ofertar ao seu público.

Em um blog você pode mostrar o quanto sabe da sua área tanto nos posts quanto na interação com os seus clientes em potencial nas suas páginas. Isso te fará ser mais notado, invariavelmente, não apenas pelo seu saber, mas também por questões técnicas que já observamos, como o fato de que você acabará ficando melhor colocado nos mecanismos de busca por estar compartilhando mais conteúdo e ter mais gente falando com você. Quanto mais alto você estiver nesse ranking, mais gente vai confiar em investir tempo e dinheiro no seu negócio!

Dicas para começar a bloggar

Escrever posts para um blog é sempre uma pequena tortura para aqueles que não têm nessa prática um hábito! Se você faz parte desse time, vão aí algumas ideias que tornarão a atividade de bloggar menos complexa:

  • Fale da história da criação do seu e-commerce e o que pensa para o futuro dele;
  • Fale de como seus produtos são produzidos, de onde eles vêm e quais são os recursos que oferecem;
  • Anuncie ofertas e explique como aproveitá-las;
  • Indique outros produtos do seu nicho e fale do desenvolvimento desse mercado;
  • Compartilhe algo divertido que encontrou na web. Fazer rir segue sendo um dos melhores remédios para tudo, inclusive para o marketing digital.